Treinamento de novos colaboradores: dicas para preparar a sua equipe

Tempo de leitura: 3 minutos

treinamentoPor mais experiente que o profissional seja, ingressar em uma empresa representa uma mudança nos processos de trabalho e de vida. Para poder entender o novo ambiente de trabalho e desenvolver as atividades com excelência, o novo colaborador precisa imergir neste universo e passar a conhecer as equipes, as atividades, as metas da área e a cultura e os processos da empresa.

Para acelerar a adaptação deste profissional, a corporação deve oferecer orientação e treinamento específicos para que ele possa exercer as funções da melhor maneira, sendo produtivo desde os primeiros dias de trabalho.

Criar vivências e propor desafios é uma boa maneira de garantir a integração com os novos colegas e a acelerar a adaptação às atividades.

Para te ajudar a realizar o treinamento de novos colaboradores de forma eficiente segue abaixo três dicas valiosas.

 

#1 Planeje o Treinamento com Antecedência

O planejamento é fundamental para o melhor aproveitamento do treinamento, pois possibilitará a elaboração de um roteiro objetivo e direcionado para o que o profissional necessita saber. Os profissionais de Recursos Humanos (RH) devem incluir os treinamentos no planejamento mensal e anual do setor, envolver as lideranças das áreas para prepará-lo com foco nas atividades da área e do colaborador.

É importante que cada área elabore um plano de ação próprio para o treinamento de novos colaboradores. Desta forma, garante-se que a teoria seja aliada à prática por meio de conteúdos pertinentes e relacionados com a vivência do departamento.

De acordo com um estudo da Academy of Management, treinamentos bem estruturados realizados nos primeiros noventa dias dos funcionários na empresa são bastante efetivos para que os colaboradores se sintam motivados e produtivos.

#2 Escolha Pessoas Habilitadas para fazer a Integração

O sucesso do treinamento de novos colaboradores está atrelado também à competência do treinador, por isso, escolher a pessoa que ministrará a formação é um fator determinante e faz com que os funcionários se sintam devidamente orientados. Dica: escolha pessoas atenciosas, engajadas e que saibam transmitir o conteúdo.

Uma alternativa interessante é eleger um padrinho. Esta pessoa será responsável por apresentar a empresa, os processos e a cultura ao novo colaborador. Além de sanar dúvidas, o padrinho irá apoiar em situações simples, como apresentar os colegas, o refeitório e demais instalações da empresa.

#3 Defina os Pontos Abordados no Treinamento

O treinamento deve abordar temas que permitam que os novos colaboradores sintam-se ambientados e acolhidos. Também deve fornecer informações úteis para o esclarecimento de dúvidas oriundas do processo seletivo.

Inicie o treinamento de novos colaboradores apresentando a história da empresa, estrutura organizacional, organograma, fluxograma, missão, visão, valores, políticas e o código de conduta. Essas informações são fundamentais, pois refletem a cultura e identidade da empresa.

Durante o treinamento, também é importante destacar que o RH está aberto para sugestões e esclarecimento de dúvidas. Evidencie também as competências desejadas pela empresa, como iniciativa, relacionamento pessoal, trabalho em equipe, entre outros.

Por meio da elaboração de treinamentos direcionados é possível orientar o desenvolvimento profissional de acordo com os objetivos da empresa. Além disso, essa prática ajuda a reter talentos. De acordo com o estudo da Lessonly, empresa norte-americana especializada em software para gestão de equipes, um programa estruturado de treinamento de novos funcionários pode fazer com que até 69% dos novos colaboradores permaneçam na empresa por mais de três anos. Dito de outro modo, só há ganhos para a sua organização.

Gostou das dicas? Como é feito o treinamento de novos colaboradores em sua empresa? Comente!

 

ebookfree

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *