5 dicas para começar a implantar a transformação digital nas empresas

Tempo de leitura: 5 minutos

 

A transformação digital nas empresas é um processo de mudança provocado a partir do uso da tecnologia, que produz uma melhoria na performance e nos resultados. Muito mais do que um simples termo da moda, é uma mudança na forma de pensar, fazer negócios e gerir equipes. Como tudo o que é novo, é natural que essa abordagem desperte dúvidas, questionamentos e até uma certa insegurança em gestores e líderes. Porém, é preciso ter consciência de que este é um caminho sem volta e é questão de tempo para que as empresas sigam nesta direção. A única coisa que você precisa decidir é se vai aderir logo ou correr o risco de ficar pra trás.

Caso Kodak: o medo da transformação digital

Você já deve ter ouvido falar que um dia é da caça e outro é do caçador. Essa expressão pode ser usada para descrever a história da Kodak. Com mais de 100 anos de história a companhia era líder no mercado de fotografia, chegando a comercializar 90% dos filmes fotográficos vendidos nos Estados Unidos. Porém, mesmo tendo criado a primeira câmera fotográfica digital, não foi capaz de superar a revolução emergente, ficando para trás quanto à transformação digital – que outras empresas do mesmo segmento estavam embarcando.

Com medo de perder sua maior fonte de renda, que era a venda de insumos para a fotografia (filmes, etc.), a empresa não apostou pra valer no mercado digital e acabou perdendo mercado e reputação. Talvez o maior erro da Kodak tenha sido acreditar que era possível reprimir a transformação digital, enquanto seus concorrentes não tiveram medo da mudança.

Como funciona na prática a transformação digital nas empresas?

Que a transformação digital nas empresas implica em mudanças todo mundo concorda. No entanto, é importante ter alguns cuidados. Transformação digital não é o mesmo que digitalização. Por exemplo: digamos que a sua empresa ainda faz o registro de ponto em papel e  aderiu a um sistema de ponto eletrônico. Na verdade, isso não representa uma transformação em si, é apenas a digitalização de uma atividade.

Conforme citamos no início deste texto, a transformação digital nas empresas envolve uma mudança de mindset. Isso significa que além de aderir à tecnologia, a organização deve, em paralelo, estimular a inovação, testar novos processos e promover a mudança de hábitos. Tudo isso significa agir de forma mais estratégica em relação aos negócios, priorizando a entrega de valor aos clientes e assumindo um novo posicionamento no mercado.

Afinal, com a tecnologia, diversas atividades foram automatizadas e o RH assumiu um papel mais estratégico. O RH moderno se preocupa em desburocratizar os processos, estimular a inovação, incentivar a proatividade e valorizar as pessoas, que são o principal ativo das organizações. Portanto, o RH pode ser considerado um impulsionador da transformação digital nas empresas. Como uma força motriz, que estimula a adoção de práticas que visam a inovação e produtividade.

5 passos para implantar a transformação digital

Segundo o portal da Transformação Digital, o Brasil possui todos os atributos necessários para ser um dos países com o maior índice de empresas digitais do mundo. Isso porque temos muitas instituições relativamente novas no mercado, o que favorece a transformação. É Afinal, é bem mais fácil nascer digital do que aderir ao digital. Um exemplo disso são nossos pais e filhos. Enquanto os primeiros ainda enfrentam dificuldades para aderir à tecnologia, quem já nasceu na era digital não tem problema algum para acompanhar o ritmo das mudanças.

Listamos, abaixo, alguns passos básicos para quem deseja implantar a transformação digital.

1. Promover a mudança de pensamento

O primeiro passo para implantar a transformação digital nas empresas é mudar a forma de pensar. Isso significa quebrar alguns paradigmas, assumir que ninguém é dono da verdade, ouvir mais o cliente e agir com empatia. Quando o RH tira o foco dos processos estabelecidos e passa a ouvir os colaboradores, surgem novas ideias, processos e melhorias que podem ser implementadas.

2. Escolher ferramentas para aumentar a eficiência

Ao mudar a forma de pensar, você vai perceber que é possível simplificar diversos processos e a tecnologia pode ser uma forte aliada. Conforme as mudanças vão acontecendo, você é fundamental a empresa se apoiar no uso de ferramentas para aumentar a eficiência e tornar todas as áreas efetivamente mais estratégica.

3. Aperfeiçoar os processos internos

O redesenho dos processos internos é uma consequência da transformação digital nas empresas. A partir do momento que novos softwares e ferramentas passam a fazer parte do cotidiano, a equipe pode começar a assumir novos desafios. Mas lembre-se: todos os novos processos devem ser inspirados na mudança da forma de pensar e agir.

4. Explorar novos mercados e modelos de negócio

Outra possibilidade que a transformação digital traz para as empresas é a expansão do mercado de atuação. Então, considere novas abordagens, upgrade nos produtos ou serviços com foco em outros nichos de mercado. Tudo isso pode estar apoiado no comportamento da sua marca no ambiente digital e no relacionamento com o público-alvo.

5. Estabelecer parcerias estratégicas

O ambiente digital também é propício para novas parcerias, uma vez que a barreira física já não é mais um entrave. Então, aproveite para identificar oportunidades, estabelecer a cooperação e até promover uma aproximação maior com o público-interno ou mesmo com os clientes.

Então, a transformação digital já é uma realidade na sua empresa? Se você gostou deste post sugerimos também a leitura do seguinte conteúdo:

Transformação Digital: o seu RH está no passado ou no Futuro?