O conceito de capital humano e sua relação com os negócios

Tempo de leitura: 6 minutos

Qual o bem mais importante das empresas? As pessoas! A sua empresa pode estar sem estoque, sem energia elétrica, água ou internet, mas muitas operações vão continuar acontecendo mesmo sem estes itens. Agora sem um time, sem pessoas, nada acontece. Esse é um dos muitos fatores que torna o capital humano essencial, mas é importante deixar bem claro aqui que capital humano é muito mais do que apenas pessoas. Neste artigo vamos conceituar e explicar este termo que está tão presente no dia a dia de muitos RHs e empresas.

Capital humano

O que é Capital Humano?

O conceito de capital humano surgiu em 1950, idealizado por Theodore W. Shultz, e se define como a capacidade de conhecimentos, competências e atributos da personalidade de uma pessoa ao desempenhar um trabalho de modo a produzir valor econômico. Ou seja, é o conjunto de atributos conquistados por um trabalhador por meio da educação e experiência.

Já o estudioso Sandrini define capital humano como um grupo de investimentos que tem a finalidade de educar e profissionalizar uma população. Indo um pouco mais além, o estudioso entende que capital humano também está conectado com o investimento em formação e capacitação dos colaboradores.

Ao combinar as duas teorias, podemos ver um definição mais completa e interessante do termo. Resumindo: capital humano é o conjunto de capacidades, habilidades, conhecimento e informação que os funcionários dispõem para desempenhar as atividades de forma efetiva para gerar resultado econômico à empresa.

Qual o impacto nos negócios

Ter uma equipe capacitada é fundamental para o crescimento de uma organização e conquista dos resultados globais da corporação. Porém, é necessário destacar que este investimento em formação impacta em custos para a empresa, que deve investir em treinamento e cursos, despesa da ausênciaCapital humano do colaborador durante a profissionalização, sobrecarga da equipe pela falta de um dos funcionários, entre outros.

Apesar de parecer tão complexo investir no capital humano, é importante destacar que profissionais capacitados e educados desempenham melhor, entregam mais resultados, evita-se erros primários de execução e promove um aumento na produtividade. Ainda traz impactos intangíveis, como na motivação e satisfação dos colaboradores na corporação.

Uma forma de promover a capacitação para reduzir os impactos na empresa é criar uma agenda de eventos de treinamento. Isso porque alivia o estresse do deslocamento e possibilita treinar vários funcionários em uma mesma oportunidade. Ao mesmo tempo, poderá quebrar um treinamento denso em seções menores, possibilitando uma melhor absorção do conteúdo ofertado.

Humanização nas empresas

É importante destacar que o ser humano é que o move às corporações. Afinal, são as pessoas que dão movimento ao patrimônio e geram resultados. Logo, é impossível falar de pessoas sem falar sobre a humanização promovida no ambientes de trabalho. É claro que investir no capital humano é essencial, mas combiná-lo com ações de humanização nas empresas pode potencializar ainda mais os resultados alcançados.

Uma dica importante é a organização investir constantemente em cultura, promover boas experiências no ambiente corporativo, valorizar o corpo trabalhador, criar um ambiente agradável e amigável, promover a integração entre as equipes, ter uma comunicação eficiente com todos os setores, dar autonomia e promover a descentralização da informação. Isso tudo gera um impacto positivo nas corporações e na força de trabalho, que se sente mais motivada e se torna mais produtiva.

Quer saber mais sobre humanização no trabalho? Preparamos um post especificamente sobre este assunto. Acesse aqui.

Aplicação do capital humano nas corporações

Agora você deve estar se perguntando, como posso aplicar o conceito de capital humano na minha empresa? Bem, responder a esta pergunta não é tão simples, mas preparamos algumas dicas que podem te ajudar nisso e, de forma indireta, trazer resultados no sentido de humanizar sua empresa e motivar os colaboradores.

Plano de Carreira

Ter um plano de carreira claro e que seja cumprido pela empresa, é uma forma de estabelecer os Capital humanocaminhos que cada colaborador vai seguir na organização, bem como dar as diretrizes para que possam investir no desenvolvimento profissional e pessoal. O plano de carreira tem impacto em duas posições. A primeira, diante dos colaboradores que percebem na empresa a perspectiva de crescimento profissional; e em segundo, para atrair talentos.

Empoderamento e autonomia

É essencial empoderar e dar liberdade para que os colaboradores possam tomar decisões. Uma forma de fazer isso de forma eficiente é proporcionar aos funcionários informações e ferramentas necessárias para que eles possam atuar alinhados a estratégia e expectativas da empresa. Ao empoderar e dar autonomia para que os colaboradores tomem decisões, a empresa ganha mais agilidade nos processos.

Liderança que inspira

Trazer líderes que inspirem une o time e promove uma maior motivação. Um gestor que faça junto com a equipe e dá o exemplo é inspirador. Ao mesmo tempo, os colaboradores precisam perceber que a preocupação nas pessoas é genuína na empresa e pela liderança.

Reconhecimento em bonificação

Uma forma de reconhecer os colaboradores que estejam desempenhando bem suas atividades e gerando resultados significativos para a empresa pode ser feito por remuneração variável. Este sistema é baseado na especificação de metas e motiva o cumprimento da mesma. Existem várias formas de bonificar, seja por benefícios, porcentagem sobre o salário anual ou pagamento de bônus no final do ano. Vale a pena analisar qual o melhor método para a sua empresa e que irá gerar impacto positivo junto aos seus colaboradores.

Investimento em Capacitação

Atingir mais e melhores resultados passa pelo investimento em treinamento dos colaboradores. Afinal, profissionais capacitados produzem mais e melhor! Além disso, ainda gera impacto na motivação, valorização e satisfação dos funcionários na empresa.

É importante destacar que são as pessoas que movem as corporações, e que desenvolver o capital humano é essencial para gerar resultados. Mas as empresas precisam ir além, e investir em ferramentas que permitam aos colaboradores realizar as atividades de forma eficiente e eficaz, tornando-se ainda mais produtivos. Ao combinar a tecnologia e a força de trabalho, gera-se resultados significativos e torna a empresa ainda mais competitiva no mercado.

Agora que você já sabe o que é capital humano e como pode desenvolvê-lo na sua empresa, conta nos comentários como você aplica ou pretende aplicar este conceito na sua empresa.

2 Comentários


  1. Começaria com pessoas nas quais vislumbrei, coragem, determinação, espírito de mudança, estar a frente de seu tempo.

    Responder

    1. É uma ótima ideia Marta, é muito bom valorizar profissionais que se destaquem, mas sempre tendo em mente que todos os colaboradores trazem experiências e habilidades que apoiam o desenvolvimento da empresa. Então é importante que com o tempo essas ações de alcancem todo o grupo. Por isso uma opção inciar com pessoas que tenham a capacidade de motivar e engajar o grupo, assim eles iniciam um processo de mudança dentro da organização através do relacionamento.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *