7 ações para criar o RH da sua empresa

Tempo de leitura: 5 minutos

criar o RH

A vida do empreendedor é repleta de desafios: conquistar clientes, se destacar no mercado, manter as contas em dia e gerir as pessoas são só alguns deles. Mas, conforme o negócio vai crescendo, você percebe que é preciso estruturar melhor as áreas para garantir o engajamento dos colaboradores e a qualidade da operação. Neste post, vamos apresentar alguns passos que ajudarão você a criar o RH da sua empresa e focar na gestão do negócio.  

Qual o momento certo para criar o RH?

Você lembra da sua primeira contratação? Naquele momento você era o RH da empresa. Recrutou, selecionou e fez todo o necessário para atender a legislação trabalhista. Conforme o negócio vai crescendo, se torna inviável cuidar de tantas demandas ligadas à gestão de pessoas. Além de que, se formos pensar bem, o empreendedor representa o maior custo-homem da empresa (traduzindo: o custo por hora de um CEO é maior do que de estagiário).

Surge então a dúvida: será o momento de criar o RH da minha empresa?

A melhor pessoa para identificar o momento certo de criar o RH da sua empresa é você mesmo. Existem alguns fatores que podem facilitar a tomada de decisão.

  • A sua empresa tem atraído candidatos com a qualidade esperada?
  • A taxa de rotatividade da sua empresa é baixa?
  • Os colaboradores estão engajados e motivados?
  • Você está cumprindo tudo o que a legislação trabalhista determina?

Se a sua resposta para as perguntas acima foi negativa, a criação do RH pode ajudar a resolver estes dilemas. Além disso, também existe a vantagem de você se liberar das atividades operacionais e focar no aspecto mais estratégico do empreendimento.

A descentralização traz diversos benefícios para a empresa. O empreendedor ganha mais tempo para se dedicar ao crescimento do negócio e tem mais chance de aumentar o faturamento por meio de negociações estratégicas.

Cargos e funções do RH

Embora pareça um bicho de sete cabeças, criar o RH de uma empresa é bastante simples. Contudo, antes de sair por aí recrutando gestores de RH é importante seguir alguns passos para garantir o êxito. Vale ressaltar, que tão importante quanto criar o departamento é construir a equipe que irá compor o setor:

Diretor de RH – Lidera toda a equipe, é responsável pela parte estratégica e por reportar os resultados para a diretoria da empresa.  

Gerente de RH – É responsável pela operação da equipe de recursos humanos.

Coordenador de Pessoal – É responsável pelo recrutamento e seleção, pela criação e atualização de cargos, suas atribuições e pelo agendamento de entrevistas.

Coordenador de Desenvolvimento Humano – É responsável por criar programas de qualificação profissional para treinar os colaboradores e pelo processo de integração dos novos contratados.

Analista e Assistente de RH – São funções mais generalistas, contribuem com as tarefas administrativas e auxiliam a gerência e a diretoria em suas funções.

criar o RH

Calma, não é preciso ter essa estrutura desde o começo. Comece com um consultor externo, após substitua ou complemente com um analista. Conforme a empresa vai crescendo, você pode promover ou contratar para preencher o resto das posições até chegar ao patamar realmente estratégico.

7 passos para criar o RH

Os passos que apresentamos abaixo têm o respaldo do Conselho de Coaches da Forbes, que reúne os melhores profissionais de negócios e carreira. Confira:

  1. Crie a cultura organizacional

Para contratar as pessoas certas, é preciso antes de mais nada definir a cultura organizacional da sua empresa. Isso inclui o propósito, valores e ideologias que determinam a identidade que norteiam o trabalho. É importante ressaltar que deve haver coerência entre o que se espera e o que realmente é praticado no dia a dia.

2. Defina os valores

Antes de criar o RH é imprescindível definir quais são os valores da sua organização. Afinal de contas, são eles que irão orientar a contratação da equipe de RH e dos demais colaboradores. Uma dica para definir os valores é relembrar os motivos que o levaram a criar o negócio. Além disso, você também pode identificar atributos da empresa, como modo de falar, vestir e se comportar.

3. Busque parceiros

Se você se sente inseguro para criar o RH estabeleça parcerias com profissionais ou consultorias especializadas. Portanto, considere essa alternativa de estabelecer parcerias que possam contribuir para o crescimento do negócio de forma sustentável, considerando a cultura e valores da sua organização.

4. Priorize as lideranças

Outra dúvida muito comum entre os empreendedores e startups é sobre a contratação da equipe do RH. A orientação é construir a sua equipe a partir do topo. Ou seja, recrute inicialmente um profissional para fazer a gestão do departamento. Este profissional será o responsável pelas demais contratações e por propagar a cultura da organização.

5. Alinhe expectativas

O RH é o coração da organização, pois é responsável por distribuir a cultura e manter o propósito da empresa vivo entre os colaboradores. Portanto, é fundamental alinhar constantemente as expectativas com a liderança e equipe do departamento. Isso porque o RH é capaz de moldar e impulsionar os colaboradores para alcançarem as metas e objetivos da organização.

6. Fortaleça sua marca empregadora

Fortaleça a sua marca empregadora a fim de atrair e reter os melhores talentos e manter a equipe engajada, produtiva e feliz. O employer branding é um assunto em alta no RH, pois está diretamente ligado à reputação da marca empregadora, interna e externamente.

7. Mantenha o foco nas pessoas

As pessoas são o principal ativo da sua empresa. Portanto, vale a pena investir em tecnologia para simplificar os processos e permitir uma atuação mais estratégica dos profissionais, principalmente do RH. Além disso, com a ajuda de ferramentas especializadas o RH pode levantar e analisar informações relevantes para tomada de decisões.

Agora você se sente mais preparado para criar o RH da sua empresa? Se tiver alguma dúvida, principalmente em relação ao uso de softwares para a gestão de pessoas, entre em contato conosco. Você também pode assinar nossa newsletter para receber outros conteúdos como este diretamente no seu e-mail.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *