Como a TI impacta na gestão do RH e como essa parceria desenvolve os negócios

Tempo de leitura: 4 minutos

ti-gestao-rh

O mundo foi envolvido pela tecnologia da informação e tornou-se praticamente impossível escapar dessa realidade, principalmente hoje com a utilização em larga escala da gestão baseada em Cloud Computing e mineração de dados. E, de modo geral, o Departamento de Recursos Humanos foi completamente envolvido pelas possibilidades oferecidas pelo amplo acesso às informações.

É possível hoje utilizar a gestão da informação para analisar os agentes internos e externos à realidade da empresa. Tanto o perfil de um candidato quanto o desempenho de um funcionário são perfeitamente verificáveis com o uso de plataformas desenvolvidas especificamente para essas necessidades. O que não faltam hoje são mecanismos sofisticados que analisam desde as redes sociais até questões internas das organizações. Esse cenário tecnológico tornou necessária a viabilização de uma duradoura e consolidada relação entre a TI e o RH, principalmente porque facilita a gestão remota e diminui os recursos locais de TI.

Abraçar essa visão tornou-se um imperativo para que as organizações se mantivessem atualizadas em um cenário altamente competitivo. Veja como:

 

Relação entre TI e RH tornou-se indissociável

A palavra é indissociável. Não há outro termo que possa definir melhor o casamento entre as equipes de Tecnologia da Informação e de Recursos Humanos. A motivação é bem clara: com a aderência de recursos tecnológicos pelas organizações, a subjetividade e a expertise individual passaram a ser englobados juntamente com as plataformas de gestão dentro do RH.

Isso não quer dizer que a capacitação profissional dentro do RH tenha perdido a sua importância, que é fundamental. Mas sim que as características foram incrementadas pelos benefícios fornecidos pela tecnológia. Dentro dessa realidade, sistemas especializados, como CRM, o ERP e SCM foram largamente incorporados a nível corporativo, permitindo que a obtenção e tratamento de dados se tornasse muito mais ampla e precisa. Veja algumas dessas possibilidades na prática:

  • Tratamento de ponto. Essa possibilidade torna-se um diferencial efetivo quando existe a necessidade de se tratar os pontos dos funcionários, um a um – principalmente em organizações com funcionários espalhados. Em soluções tecnológicas mais recentes e efetivas, certamente a análise das batidas de ponto, horas extras, atrasos e outros fatores recorrentes, é possível gerenciar esses dados em uma plataforma específica, sem a necessidade de procurar as informações de forma manual;
  • Fechamento de folha de pagamento. A efetividade das ferramentas gerenciadas com os dados em cloud permite que o fechamento das folhas de pagamento sejam realizados com mais agilidade e de forma segura, permitindo que os dados sejam encontrados com mais acessibilidade pelos setores envolvidos;
  • Recrutamento e seleção. Hoje existem redes sociais especializadas na arte do recrutamento e algumas soluções online colaboram com essa perspectiva, analisando o histórico do candidato e permitindo que os interessados a uma determinada vaga estejam realmente adequados ao perfil que a organização procura.

 

Gestão de pessoas baseada em Business Inteligence

A gestão de Recursos Humanos acompanhada dos meios técnicos de TI, como Business Intelligence (BI), permite que as tomadas de decisão sejam mais rápidas e bem embasadas. O motivo é que as técnicas de analitycs permitem uma composição ampla de todo o processo, propiciando que os cenários sejam facilmente mapeados e controlados.

E essa perspectiva diz respeito de todos os envolvidos com a empresa. Seja com gestores, colaboradores ou terceiros. Veja alguns exemplos:

  • Retenção de talentos. A possibilidade de manuseio dos dados pode ser extremamente favorável para analistas de RH. As novas soluções em cloud permitem que se saiba prontamente quais os funcionários têm se dedicado mais às horas extras e quais os colaboradores que têm muitas faltas e atrasos em seu histórico. Informações preciosas como essas podem servir para que se realize a medição de excessos no trabalho ou ainda a falta de engajamento;
  • Transparência entre colaborador e empresa. A tecnologia permite a democratização da informação. Fornecer dados importantes ao funcionário, como registros de ponto e holerite, gera uma relação de confiança com a organização. O colaborador se sente mais motivado e engajado.

Aumento de competitividade

Essas possibilidades apresentadas para os membros da equipe de tecnologia de informação e de recursos humanos são totalmente realizáveis com a perfeita harmonização dos setores, a fim de que não aja uma disputa pelos recursos, mas um compartilhamento dos mesmos. Nesse sentido, o uso dos softwares complexos torna-se uma forma interessante de uso de busca dos dados, mas se salientando que solução técnica alguma substitui o diálogo, a cordialidade e demais fatores que implicam nos processos que motivam os trabalhos dessas equipes e de todos os demais setores.
E em sua empresa, o RH já aderiu às múltiplas soluções oferecidas pela TI? Aproveite para comentar nesse post!

 

Saiba mais:

acessar-infografico-controle-de-ponto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *