A produtividade no trabalho vai muito além de números

Tempo de leitura: 4 minutos

A produtividade sempre foi um dos fatores essenciais para o sucesso de uma empresa. Mas afinal, como mensurar a produtividade no trabalho? Durante muito tempo as organizações consideravam que era preciso produzir ao máximo, reduzindo o número de funcionários.


O que acontecia era o seguinte: uma empresa com 20 funcionários que produziam 500 sapatos ao mês, esperava manter a produção de 500 pares de calçados, com apenas 10 pessoas na equipe. Na teoria o cálculo era simples: mais produção, com menos custos, representaria mais lucro. Mas, na prática não funciona exatamente assim. Profissionais insatisfeitos produzem menos, faltam mais ao trabalho e tudo isso também gera custos.

 

Percebendo que a produtividade no trabalho não poderia ser medida apenas por números, algumas empresas passaram a incluir o capital humano como elemento-chave para alcançar o sucesso. A gestão de pessoas começou a passar por uma transformação e a humanização no trabalho ampliou o foco nas pessoas e no seu bem-estar.

 

produtividade no trabalho

 

Produtividade no trabalho x eficiência

 

Você sabia que empresas como Google, Netflix e Apple são 40% mais produtivas? É o que apontou uma pesquisa da consultoria Bain & Company, publicada pela revista de tecnologia Fast Company. Um dos segredos para manter uma alta produtividade no trabalho é a própria cultura organizacional voltada para a inovação. Quando a empresa estabelece prioridades, elimina processos desnecessários e demonstra confiança em seus funcionários tende a obter resultados melhores.  

 

Um funcionário comprometido é 44% mais produtivo do que um trabalhador satisfeito e se produtividade no trabalhoele se sentir inspirado por seus líderes, sua produtividade no trabalho pode ser 125% superior a dos empregados apenas satisfeitos. Isso significa que as empresas que mais inspiram seus funcionários alcançam os melhores resultados.

 

Depois de saber estes dados você deve estar se perguntando: mas como aumentar a produtividade no trabalho? Primeiramente é importante ter clareza de que produtividade e eficiência não são sinônimos. Eficiência se encaixa naquela questão lá do início do texto: “fazer o mesmo com menos”. Já a produtividade é fazer “mais com o mesmo”. É possível que muitos gestores acreditem que suas empresas são produtivas, quando na verdade elas são eficientes.

 

Como estimular a produtividade no trabalho?

 

Talvez você já tenha feito diversas campanhas de endomarketing, promovido ações de sensibilização com os funcionários e nada foi capaz de aumentar a produtividade da equipe. Mas, você já avaliou as lideranças da sua empresa? Ainda segundo a Fast Company, na Dell as equipes de vendas lideradas por um profissional inspirador são 6% mais produtivas do que as equipes que têm um líder médio. Pode parecer pouco, mas esse pequeno percentual representou uma receita de U$ 1 bilhão de dólares.

 

Como são os líderes na sua empresa: inspiradores ou médios? Existem situações em que funcionários com potencial para a liderança inspiradora são colocados em funções que limitam seu desempenho. Um estudo publicado pela Harvard Business Review afirma que um funcionário inspirado pode produzir tanto quanto 2,25 funcionários satisfeitos.

 

O RH pode continuar desenvolvendo todas as ações que já faz, mas lembre-se que o foco deve ser nas pessoas, elas são o maior ativo de qualquer empresa. As empresas que investem em desenvolvimento humano ajudam os funcionários a encontrar prazer naquilo que fazem. Afinal, pessoas realizadas naquilo que fazem são mais inspiradoras e alcançam índices mais altos de produtividade no trabalho.

 

Aqui no blog tem um post sobre como o setor de RH promove a qualidade de vida no trabalho, com várias dicas de como motivar os colaboradores e aumentar a satisfação profissional. Alguns aspectos citados são liberdade e autonomia, ambiente agradável, possibilidade de crescimento, princípios aplicados em empresas como Google, por exemplo.  

 

5 dicas para melhorar a produtividade do RH

 

Por fim, a produtividade do RH também é determinante para os resultados de toda a organização. Desde a seleção dos colaboradores com o perfil da empresa, até as ações para manter a equipe motivada. Portanto, o RH também precisa se reinventar, dar mais autonomia aos gestores, tornar as ações do dia a dia mais ágeis e promover a produtividade no trabalho. A descentralização do RH pode trazer diversos benefícios para as organizações.produtividade no trabalho

 

1. Promover ações motivacionais
2. Conceder feedback contínuo
3. Dar oportunidade de crescimento
4. Criar um ambiente agradável
5. Oferecer infraestrutura adequada

 

A tecnologia simplificou inúmeras atividades, a transformação digital está promovendo diversas mudanças, as novas gerações têm outras prioridades e tudo isso interfere diretamente na produtividade no trabalho. O seu papel como profissional de RH é mostrar aos gestores que tudo isso impacta no sucesso de uma empresa. Com a proposta de ajudá-lo, estamos sempre publicando conteúdos estratégicos para a gestão de pessoas. Continue acompanhando o nosso blog e, se desejar, baixe nossos materiais educativos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *